Criatividade, Educação e Arte

Criatividade, Educação e Arte

“NÃO É POSSÍVEL UMA EDUCAÇÃO INTELECTUAL, FORMAL OU INFORMAL, DE ELITE OU POPULAR, SEM ARTE, PORQUE É IMPOSSÍVEL O DESENVOLVIMENTO INTEGRAL DA INTELIGÊNCIA SEM O DESENVOLVIMENTO DO PENSAMENTO DIVERGENTE, DO PENSAMENTO VISUAL (…) QUE CARACTERIZA A ARTE”.

ANA MAE BARBOSA

A arte contribui para ampliar a percepção do ser humano em relação ao mundo e ao meio que o cerca, submetendo-o a ângulos de visão aos quais não estão acostumados.

Ao ampliar a percepção é possível perceber que não precisamos deixar o que estamos fazendo para enxergar as coisas de forma mais abrangente, basta que olhemos o que estamos fazendo de forma diferente, e o que há de diferente dentro da forma comum.

Exemplo disto é a dicotomia entre Ciência e Arte, que ainda é um paradigma vigente em quase todos os campos do conhecimento humano, até mesmo no educacional, dividindo-o nas áreas de exatas, humanas, biológicas… olhando-as de forma separada e diferente e não semelhante e complementar.

Há profundas relações entre uma e outra que raramente são trabalhadas, mas deveriam sê-lo, pois a maneira como se apresenta a visão de mundo através da ciência dos dias de hoje, pede que o homem construa novas formas de sentir, pensar e agir que possibilitem a construção de novas maneiras de ensinar e aprender.

Trabalhar a Ciência sem a Arte ou a Arte sem a Ciência é desprezar uma parcela da criatividade, portanto se faz necessário a observação e o estudo do ser humano como um todo, visto que o homem e o meio onde ele vive formam um grande organismo interdependente.

Por esses motivos a integração dos hemisférios cerebrais, a complementação entre Arte e Ciência e uma visão holística destes conjuntos são mais do que necessárias, são fundamentais.

No fazer artístico surge o espaço, o tempo, o sensível, a emoção… e o pensamento se amplia pois se torna ação experienciada e não somente processo racional. As emoções participam da racionalidade através do corpo, é possível, portanto, através da Arte e da Criatividade, reatar a ligação entre sujeito e objeto, mente e matéria, qualidade e quantidade, sentimento e razão, liberdade e determinismo.

Utilizar a Arte e a Ciência, forças complementares e compensadoras, a serviço da educação e formar por meio delas verdadeiros homens integrais, é uma ideia ousada e criadora que só pode amadurecer na mente daqueles que se dispuserem a ir além dos paradigmas.

Lino Bertrand

Sou Lino Bertrand e eu ajudo as pessoas a se encontrarem e descobrir o melhor delas. Por isso eu criei o Abundance Way.

Deixe uma resposta

Fechar Menu